Sábado, 7 de Agosto de 2004

O CEGO

cegos040305.jpg

Hoje estava almoçar, e na mesa em frente estava um cego também a almoçar.
Fiquei estupidamente observando o senhor, pois não é a toda hora que nos ocorre que os cegos também almoçam e supostamente poderão fazê-lo de forma autónoma.
Fui almoçando enquanto o ia observando com a discrição possível. Tudo em cima da mesa estava criteriosamente colocado: O copo, os talheres, a salada, o guardanapo...
De rosto levantado, passava os dedos mínimos de cada mão, nos bordos do prato antes do garfo e da faca procurarem a comida. A faca seguia na frente, como se de um rodo se tratasse e quando sentia que tinha algo junto à faca, o cego espetava o garfo sabendo com rigor se o que lá vinha era carne ou batatas. Antes o senhor tinha passado os talheres sobre a comida, como que a tentar adivinhar através da textura, que tipo de alimentos estariam em cada zona do prato. O senhor tinha uma tijela com salada à parte de onde se servia com com um rigor invejável.
Passou o braço na mesa e sem se aperceber fez cair o guardanapo no chão. Alguns minutos mais tarde, quando precisou dele, percorreu a mão pela mesa primeiro do lado direito e depois do lado esquerdo. Percebeu o que tinha acontecido e com o pé muito suavemente, tacteou e facilmente encontrou o guardanapo no chão. A sua posição, permitia-lhe provavelmente detectar sombras na contra-luz de uma janela em frente à sua mesa. Ao levantar-se alguém de uma mesa ao lado e ao passar entre ele e a janela, o cego levantou o braço e disse: "Se faz favor". Não obteve resposta de imediato, mas um empregado que estava dentro do balcão, ao aperceber-se da solicitação dirigiu-se à mesa do senhor, regressando posteriormente com outro guardanapo.
Só falta dizer que na mesa do cego estava uma sehora com 60, 70 anos, que poderia ser a mãe; uma rapariga com 12, 13 anos, que poderia ser filha; um miúdo com 5, 6 anos que eventualmente seria filho e, uma senhora com uns 40 anos que supostamente seria a esposa.
O cego e a senhora idosa iam trocando palavras e os miúdos riam, ao mesmo tempo que a senhora mais nova se levantava do seu lugar para ajudar o miúdo a partir o bife.
publicado por Cravadinho às 00:10
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De Anónimo a 20 de Setembro de 2004 às 23:12
Escrevi uma breve reflexão no meu blog sobre a cultura que não temos em Beja...e que poderiamos ter.

quem fala é uma bejense farta do vazio dos dias passados na cidade.

abraços
marta
marta
(http://www.corpoveloz.blogspot.com)
(mailto:corpoveloz@sapo.pt)
De Anónimo a 3 de Setembro de 2004 às 14:05
comovente.
mas se quer dramas visite:
www.berlaitadas.blogspot.comalliendan
(http://www.berlaitadas.blogspot.com)
(mailto:alliendan@hotmail.com)
De Anónimo a 9 de Agosto de 2004 às 20:23
Poderia ser o inicio de um bonito romance
Parabéns, gostei
LuisD
(http://www.tudoben.com)
(mailto:luisdamiao@tudoben.com)
De Anónimo a 7 de Agosto de 2004 às 00:56
Decidi hoje visitar alguns blogs do meu Alentejo.Tenho gostado e as saudades têm apertado mais um bocadinho. São momentos bons que passamos cá longe quando vamos lendo e sabendo notícias da nossa terra... Vou voltar mais vezes e tb espero que gostem do blog Beja. Um abraçolumife
(http://beja.blogs.sapo.pt)
(mailto:lumife@sapo.pt)

Comentar post

.pesquisar

 

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. MENSAGEM DE NATAL

. CONTRA O DESEMPREGO

. AOS PROFESSORES

. BRINDEMOS

. A CALÇADA

. ABELHAS

. O SOM DO CAVAQUINHO

. PRESIDENCIAIS 2011

. BANDA DE ALTER DO CHÃO

. JARDIM PÚBLICO

.arquivos

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Setembro 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds